Resenha: Pacto Secreto

Livro: Pacto Secreto
Autor: Eliane Quintella
Número de Páginas: 357
Editora: Novo Conceito 

Três regras haviam sido reveladas à Valentina. Mas, ela não sabia se existiriam outras regras que teriam sido ocultadas. Tinha certo em seu coração que precisava ter seu pedido atendido. Era o que havia de mais importante. Precisava decidir se assinaria ou não o pacto. É a pergunta que não se cala. Será que Valentina deveria assinar o pacto sem ter certeza do que estava em jogo? O que realmente assumiria se assinasse? E você, assinaria o pacto? Em troca, teria o que pedisse. Poderia ser qualquer coisa...

O livro conta a história de Valentina, moça bonita, rica, mais triste, pois se culpava todos os dias pelo acidente de sua irmã gêmea, acidente este que a deixou tetraplégica. Valentina, ou Tina como todos à chamava, não aguentava mais a dor, e a culpa que sentia, transtornada e desesperada sempre pedia ajuda a Deus. O desespero só aumentava, já se passava algum tempo do acidente e a dor da família não amenizava, e Tina não parava de se culpar. Em um momento de puro desespero, absolutamente transtornada, ela pede qualquer ajuda, inclusive a do Diabo. O que Tina não imaginava é que em poucos dias seu pedido de ajuda seria atendido. Em uma noite, ela decide sair com suas amigas e sem imaginar, conhece o enviado do Diabo. Um homem lindo, perfeito, sentado próximo onde elas estavam, ele parecia que simplismente hipnotizava Valentina até ele.
Eles se conhecem, e depois de um tempo ela entende meio que confusa ainda, que aquele homem veio devido seu pedido desesperado por ajuda. O "enviado", explica a Tina sobre o pacto, dizendo que com sua assinatura no contrato, ela terá exatamente o que quiser. Ele é sedutor, manipulador, e tenta confundir Tina, para poder consiguir sua assinatura. Valentina é diferente, corajosa, e não se deixa levar assim tão fácil. 
Depois dessa noite, sua vida mudará, e com o tempo, dias após dias, ela vai descobrir coisas macabras, verdades escondidas, traições, mistérios sombrios da vida, vai chorar, sorrir, lutar, aprender, vai buscar a cada dia  conhecimento, para assim decidir se vai ou não fazer o pacto com o Diabo, e ajudar sua querida irmã, se libertando assim, da culpa, que sente.
 
Gente, o livro Pacto Secreto chegou pelo correio na sexta feira, dia 18/11, e desde então não sentia mais fome, nem vontade de fazer nada. Só queria ler o livro, ler sem parar. Fiquei hipnotizada por ele, totalmente enfeitiçada. (Risos)
Fiquei impressionada com a coragem da Valentina, eu no lugar dela tinha ficado com tanto medo que nem sei. Sempre fui curiosa para entender os mistérios do mundo, da terra, das pessoas. Sempre pesquisei muito, estudei muito, questionei muito sobre religião, mas pensar na história de Valentina, e imaginar eu no lugar dela, me deixou confusa, e ao mesmo tempo, pra falar a verdade nem sem explicar.
O que sei dizer com exata certeza é o seguinte: Este livro é daqueles que a gente ler, e gostaria que todos lessem. Pois é... meu namorado deve tá com raiva de mim, pois não paro de falar desse livro para ele, até liguei para minha mãe lá do outro lado do mundo, só para contar sobre o livro. Eu sabia que ia gostar da leitura, mais não imaginava que seria tanto assim. Ou melhor, eu não gostei, eu amei.
O desfecho todo do acidente, me deixou de boca aberta, como as pessoas são traidoras. E saber que o acidente na verdade era para Valentina e não para sua irmã, só deu mais força para ela, não se entregar de bandeja. Eu fiquei com muita raiva da Carla viu, tinha hora que me controlava para não gritar, se não todos na minha casa, iriam achar que estava ficando louca. (Risos)
A gente fica se perguntando... ela vai ou não assinar o contrato? É demais, o que a leitura desse livro faz com a gente. Não parava de pensar na história, quando não tava lendo, tava pensando....
Me coloquei no lugar dela em vários momentos, e fiquei me perguntando se assinaria ou não. E até agora não sei a resposta. Mas o que ela fez, me deixou lendo o capítulo pelo menos três vezes seguida. O final é assim: Por favor não acabe... não... não... quero mais! Quase chorei, fiquei um tempão na cama deitada, pensando, refletindo, com o livro nas mãos, não acreditando nessa leitura, nesse livro. E agora qui digitando, ainda estou lá na história, junto com Valentina, esperando asiosamente o próximo livro. 

Agora me responda: Para salvar alguém que você ama, tirar essa pessoa do sofrinmento, ou por algo que deseja, você assinaria um pacto com Satan? Pense bem antes de responder hei.

Se você não leu "Pacto Secreto", não perca tempo, LEIA. Não fique de fora, viaje nessa história supreendente! Eu aceitei o convite da Eliane Quintella, e não me arrependi... tenho certeza que você também não vai se arrenpender.

9 comments

elianequintella 20 novembro, 2011

Querida Polly,
É um prazer imenso poder ser a primeira a deixar minha mensagem aqui. Minha querida, eu adorei sua resenha e adorei mais ainda ter encontrado você nesse mundo. É um dia maravilhoso aquele em que encontro alguém que leu o livro exatamente da forma que eu escrevi para ser lido. E, pelo visto, você é uma das minhas queridas e especiais leitoras. Guardo meus verdadeiros leitores no meu coração com todo carinho. Posso dizer que quando escrevi PACTO SECRETO a história realmente mexeu comigo, bastante. Fiquei absolutamente fixada na trama, tanto é assim que em seguida já escrevi o segundo e o terceiro livro e ainda sinto os personagens comigo, bem pertinho. É muito legal saber que você, assim como eu, teve a mesma sensação. Minha afinidade por você assim é completa. Só posso agradecer por tudo isso, por sua excelente resenha, por sermos parceiras e dizer que quero contar com você para toda saga. Caso esteja curiosa o primeiro capítulo de PRAZER SECRETO, publiquei no blog do meu livro e vale a leitura: http://pactosecreto.wordpress.com/um-pedaco-de-prazer-secreto/
Vamos agitar os leitores para que leiam bastante PACTO SECRETO e eu consiga publicar PRAZER SECRETO! Beijo grande Eliane

Pollyanna 21 novembro, 2011

Fico muito feliz por você ter gostado da Resenha Eliane.
Fiquei tão alegre quando li seu comentário! feliz mesmo...
Também adorei te conhecer...Existem pessoas que passam por nossas vidas, e nada deixam. Outras passam, e simplismente ficam... E você com certeza é uma dessas!
Fico aqui torcendo para que a continuação da saga seja publicada! E pode contar comigo!!!! Sucesso... Muito sucesso!
Que nossa parceria seja eterna!!!!!

Livreiro Maluco 21 novembro, 2011

Gostei bastante da resenha e quando agente vê um relato desses não tem como não querer ler o livro! *-*
O mesmo aconteceu comigo com Jogos Vorazes. Li e fiz todos os meus amigos lerem, e continuo fazendo. E é ótimo quando agente está lendo um livro e por culpa deles esquece de TUDO!
Abraço,

O Livreiro Maluco
http://www.livreiromaluco.com/

Julia Cedro 21 novembro, 2011

Oi Polly!

Já faz um tempo que eu estou morrendo de vontade de ler esse livro, mas ainda não tive a oportunidade. Só ouço as pessoas falarem bem do jeito que a Eliane escreve, e de como a trama da estória e fascinante, interessante e que prende o leitor até o fim. Adorei a resenha.

Beijos,
Sonhos de Garota

Raissa Lira 21 novembro, 2011

nossa que showww ameiiii beijos
Raissa
sublime-beleza.blogspot.com

Andressa Tomaz 22 novembro, 2011

Olá! Realmente já vi muita gente elogiar o livro, não sei se também assinaria isso, mas parece que a ideia da autora foi ótima!
Adorei a resenha.

Beijos!

Lari 22 novembro, 2011

Já vi muitas resenhas positivas sobre o livro.
Fiquei curiosa, mas a lista está enoorme aqui.
haha

Adorei seu blog tbm.

Beijão

Ana Ferreira 22 novembro, 2011

Olá, Pollyanna! Como vai?

Impossível não notar o quanto esse livro mexeu com você... Também acho a temática de "O Pacto Secreto" bem polêmica, daquelas que nos deve chamar atenção a várias questões existenciais e religiosas...

Estou curiosa para lê-lo e para descobrir qual a decisão que Valentina tomará.

Beijinhos,
Ana - Na Parede do Quarto

strait 31 julho, 2012
Este comentário foi removido pelo autor.

Postar um comentário